Culturas

Recomendações para a cultura do Algodoeiro

Os programas de Fungicidas devem apresentar um controle efetivo das doenças. O efetivo manejo de doenças é um componente crítico para retardar o aumento de populações de patógenos resistentes. 

  • As recomendações baseadas na utilização dos fungicidas devem ser aplicadas em doses, intervalos e épocas de aplicação de acordo com a recomendação das empresas fabricantes;

  • Recomenda-se sempre alternar os grupos químicos em um mesmo ciclo da cultura.

 

 

Ramulária (Ramularia areola)

 

Organo estanico: hidróxido de fentina 

 

Estrobilurinas (= fungicidas QoI) (azoxistrobina, cresoxim-metílico,  picoxistrobina, piraclostrobina, trifloxistrobina)

  • As aplicações deverão ser realizadas preventivamente ou nos primeiros sintomas (“mancha-azul”)

  • Os fungicidas do Grupo das Estrobilurinas devem ser aplicados sempre em associação com fungicidas Triazóis;

  • Cotton (Ramularia areola)

  • FRAC – Brazil

  • Monitoring results from 2008 and 2009 show a high number of isolates with a reduced level of sensitivity compared with the wild type.

  • Confirmation of target site mutations by molecular tests has not yet been done 

 

Triazóis (= fungicidas DMI) (ciproconazol, epoxiconazol, metconazol, flutriafol, difenoconazol, propiconazol, protioconazol, tebuconazol, tetraconazol)

  • As aplicações deverão ser realizadas preventivamente / primeiro sintomas (“mancha-azul”)

  • Devido ao elevado número de aplicações necessárias para controlar a doença, é recomendado a alternância ou associação com fungicidas de mecanismo de ação diferente (estrobilurinas e benzimidazóis em mistura);

 

Benzimidazóis: carbendazim, tiofanato metílico 

  • Seu emprego tem sido principalmente na associação com triazóis visando o controle da Ramulária.

 

Além das recomendações acima, utilizar todas as medidas agronômicas necessárias para reduzir a fonte de inóculo (rotação de culturas, eliminação de plantas “tiguera” etc.) e o Manejo Integrado de Doenças.

 

 

Ramulose (Colletotrichum gossypii cephalosporioides) 

 

Organo estanico: hidróxido de fentina

 

Estrobilurinas (= fungicidas QoI) (azoxistrobina, cresoxim-metílico,  picoxistrobina, piraclostrobina, trifloxistrobina)

  • As aplicações deverão ser realizadas preventivamente ou nos primeiros sintomas.

  • Os fungicidas do Grupo das Estrobilurinas devem ser aplicados sempre em associação com fungicidas Triazóis.

 

Triazóis (= fungicidas DMI) (ciproconazol, epoxiconazol, metconazol, flutriafol, difenoconazol, propiconazol, protioconazol, tebuconazol, tetraconazol) 

  • As aplicações deverão ser realizadas preventivamente ou nos primeiros sintomas

 

Benzimidazóis: carbendazim, tiofanato metílico

  • Seu emprego tem sido principalmente na associação com triazóis visando o controle da Ramulária.

 

Além das recomendações acima, utilizar todas as medidas agronômicas necessárias para reduzir a fonte de inóculo (rotação de culturas, eliminação de plantas “tiguera” etc.) e o Manejo Integrado de Doenças.

FRAC - Comitê de Ação à Resistência de Fungicidas

A sua origem foi resultado de um curso de resistência a fungicidas em 1980 e um seminário da indústria em 1981 em Bruxelas. Hoje em dia é formado por um comitê central e 6 grupos de trabalho, cada um dedicado a um determinado grupo de fungicidas que têm modo de ação semelhante.

 

Saiba mais...

O FRAC-BR AGORA ESTÁ ASSOCIADO AO DEFESAVEGETAL.NET

PARA RECEBER NOTÍCIAS SOBRE O MANEJO FITOSSANITÁRIO, ACESSE:

WWW. DEFESAVEGETAL.NET

Desenvolvido por Oxya Agro e Biociências